Sistema para Secretaria de Habitação (e Interesse Social)

Software para Gestão de Cadastros, Processos Habitacionais e de Regularização Fundiária para Prefeituras

O SISHABI tem por objetivo auxiliar a secretaria ou departamento de habitação na gestão cadastral e encaminhamento de processos habitacionais e de regularização fundiária, sejam elas no meio Urbano ou Rural, focando sempre a otimização de tempo, recursos e adequação as exigências legais.

A ferramenta auxilia na coleta de dados (cadastro), organização dos processos, e ainda fornece relatórios para a gestão acompanhar em tempo real o andamento dos processos.

Principais Características

  • Atende a Portaria Nº 595 do Ministério das Cidades e a legislação de seu município e toda legislação federal seguinte.
  • Atende perfeitamente Programa Casa Verde Amarela (PCVA) (Antigo Minha Casa Minha Vida)
  • Gestão de Processos Habitacionais e de Regularização Fundiária.
  • Cadastro de Munícipes (com área para upload de arquivos / fotos).
    • Cadastro com numeração sequencial e informações cronológicas.
    • Organização das Prioridades
      • Famílias chefiadas pela mulher;
      • Portadores de doenças crônicas ou deficientes; 
      • Idosos;
      • Famílias com maior número de filhos menores de idade;
      • Pessoas que residam em áreas de risco.
  • Padronização dos procedimentos.
  • Relatórios flexíveis
    • Filtros e Ordenação (e customizações por usuário)
    • Geração em formatos CSV, PDF
  • Gráficos
  • Gestão Documental
    • Digitalização de Documentos (GED)
    • Geração de Documentos
      • Impressão dos formulários preenchidos automaticamente.
      • Você lança os dados apenas uma vez e o sisHABI preenche os formulários seguindo o padrão dos agentes financeiros (Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, etc.).
  • Integrações
  • Hot-Site com:
    • mini-perfil (nome e foto) dos munícipes cadastrados de forma a dar transparência ao processo e permitir que denúncias sejam feitas;
    • busca por nome, bairro, etc;
    • acompanhamento do processo (status/fases) através de senha;
    • Formulário e Pré-cadastro via Site da Prefeitura (em análise).
  • Características Técnicas
  • Totalmente via internet.
  • Controle de Acesso (senhas, perfis, etc…).

O Cadastro para Habitação

Para cadastrar-se no sistema e receber seu protocolo único, algumas prefeituras clientes sisHABI têm exigido assinatura da pessoa em documento autorizando a deixar algumas informações públicas na internet (como foto e perfil). Assim a população em geral pode ajudar na fiscalização da aplicação dos recursos da habitação.

Algumas estatísticas mostram que 50% das pessoas “desistem” de se inscrever para benefício de habitação a partir do momento em que são solicitadas a assinar o documento dizendo que: realmente não têm condições; que poderá ser fiscalizada a qualquer momento; que é a primeira vez que é beneficiada pela habitação; entre outras cláusulas.

Regularização Fundiária

O sisHABI está preparado para auxiliar no cadastro das pessoas em área de ocupação irregular e/ou também com pendência documentais. E principalmente organizar e conduzir o processo para que todas as pendências sejam sanadas.

O sisHABI ajuda a organizar a documentação e auxilia a equipe de assistentes sociais a emitir os laudos necessários para regularização junto a prefeitura, ajudando até mesmo na criação do “Termo de Autorização de Escritura”.

sistema programa casa verde amarela

Resumo Programa Casa Verde Amarela

A Lei nº 14.118 de 12 de janeiro de 2021 institui o Programa Casa Verde e Amarela, que tem como finalidade promover o direito à moradia às famílias residentes em áreas urbanas e rurais.

Quem pode acessar?

Famílias que moram em áreas urbanas com renda mensal de até R$7.000,00 por mês e famílias que moram em áreas rurais com renda anual de até R$84.000,00.


Origem dos recursos financeiros?

O Programa Casa Verde e Amarela é constituído por diferentes fontes de recursos financeiros. Cada fonte de recurso dispõe de regulamentos específicos que orientam como acessar o Programa, a gestão dos recursos, das operações e as responsabilidades dos envolvidos.

  • Dotações Orçamentárias da União;
  • FDS (Fundo de Desenvolvimento Social);
  • FNHIS (Fundo Nacional de Habitação de Interesse Social);
  • FGTS (Fundo de Garantia de Tempo de Serviço);
  • FAR (Fundo de Arrendamento Residencial);
  • Outros (contrapartidas, doações).

O que ele permite? 

Considerando as diferentes de fontes de recursos e seus respectivos regulamentos é possível compor o investimento da operação (art.8º da Lei):

  • I - elaboração de estudos, planos e projetos técnicos sociais de infraestrutura, de equipamentos públicos, de mobilidade, de saneamento, urbanísticos e habitacionais;
  • II - elaboração e execução de plano de arborização e paisagismo, quando associado às intervenções habitacionais;
  • III - aquisição de imóvel para implantação de empreendimento habitacional;
  • IV - regularização fundiária urbana, nos termos da Lei nº 13.465, de 11 de julho de 2017;
  • V - urbanização de assentamentos precários;
  • VI - aquisição ou produção de unidade ou de empreendimento habitacional;
  • VII - melhoria de moradia ou requalificação de imóvel;
  • VIII - obras de implantação de equipamentos públicos, de mobilidade, de saneamento e de infraestrutura, incluídas as de instalação de equipamentos de energia solar ou as que contribuam para a redução do consumo de água em moradias, desde que associadas a intervenções habitacionais;
  • IX - assistência técnica para construção ou melhoria de moradias;
  • X - ações destinadas ao trabalho social e à gestão condominial ou associativa com beneficiários das intervenções habitacionais;
  • XI - elaboração e implementação de estudos, planos, treinamentos e capacitações;
  • XII - aquisição de bens destinados a apoiar os agentes públicos ou privados envolvidos na implementação do Programa Casa Verde e Amarela;
  • XIII - produção de unidades destinadas à atividade comercial, desde que associadas às operações habitacionais; e
  • XIV - seguro de engenharia, de danos estruturais, de responsabilidade civil do construtor, de garantia de término de obra e outros que visem à mitigação de riscos inerentes aos empreendimentos habitacionais.

Juros

  • Grupo 1/Norte e Nordeste: a partir de 4,25% ao ano;
  • Grupo 1/demais Regiões: a partir de 4,5% ao ano;
  • Grupo 2/Norte e Nordeste: a partir de 4,75% ao ano;
  • Grupo 2/demais Regiões: a partir de 5% ao ano;
  • Grupo 3: a partir de 7,66% ao ano em todo o país.
__CONFIG_group_edit__{"kbqcz1nq":{"name":"All Icon(s)","singular":"-- Icon %s"},"kbqcz47u":{"name":"Problem, Solution Title(s)","singular":"-- Text %s"},"kbqczotj":{"name":"Problem, Solution Paragraph(s)","singular":"-- Text %s"},"kbqczy5e":{"name":"All Content Box(s)","singular":"-- Content Box %s"}}__CONFIG_group_edit__
__CONFIG_local_colors__{"colors":{},"gradients":{}}__CONFIG_local_colors__

Últimas Atualizações

(04/02/2021)


Programa de Regularização Fundiária e Melhoria Habitacional integrante do Programa Casa Verde e Amarela


A partir do dia 01 de fevereiro Prefeituras Municipais podem aderir ao Programa Casa Verde e Amarela - Regularização Fundiária e Melhorias Habitacionais. Os recursos financeiros são oriundos do Fundo de Desenvolvimento Social - FDS).

As informações estão disponíveis no site do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR). Na página você encontra informações, desde a adesão, as legislações específicas e como o Programa será operacionalizado.

O Programa vai atender famílias com renda mensal de até R$ 2.000,00 e que residem em núcleos urbanos informais. Mais detalhes sobre os critérios do Programa acessar as legislações específicas no site do MDR.

Empresas com anuência das prefeituras municipais apresentarão as propostas/projetos aos agentes financeiros para análise e aprovação.

Famílias com renda familiar de até R$2.000,00 pagarão R$50,00 para regularizar o lote e no máximo até 1% do valor da melhoria habitacional. Esta informação encontra-se em: “Sou Beneficiário” - “Se eu entrar no Programa (...)” (https://www.gov.br/mdr/pt-br/acesso-a-informacao/perguntas-frequentes/programa-casa-verde-e-amarela).

Para fazer a ADESÃO acesse:

https://servicos.mdr.gov.br/login.php?p=N2Y3Yjg4NDZkNTdmNWJiNzIxZDVmY2IwZDJkNmEwNjVkMGJhNzBlM2V5SjBaV3hoSWpvaVkyRmtZWE4wY204aUxDSnphWE5wWkNJNklqa3dJbjA9

__CONFIG_group_edit__{}__CONFIG_group_edit__
__CONFIG_local_colors__{"colors":{},"gradients":{}}__CONFIG_local_colors__
>